Serviços Médicos - Consultas


» Fisiatria

A Fisiatria é uma especialidade médica autónoma, cujo objectivo reside na promoção da função física e cognitiva, da actividade (incluindo os comportamentos), da participação (incluindo a qualidade de vida) e na modificação dos factores pessoais e ambientais.

É responsável pela prevenção, diagnóstico, tratamentos e organização do programa de Reabilitação dos indivíduos com patologias médicas incapacitantes e co-morbilidades em todos os grupos etários (in Livro Branco de MFR).


Topo Marcar Consulta

» Ortopedia

A Ortopedia é a especialidade médica que cuida das doenças e deformidades dos ossos, músculos, ligamentos, articulações, enfim, relacionadas ao aparelho locomotor.

A Traumatologia é a especialidade médica que lida com o trauma do aparelho músculo-esquelético.


Topo Marcar Consulta

» Neurologia

A neurologia é o estudo do sistema nervoso, sua relações e transtornos. Entre as principais doenças abordadas pela especialidade podem-se citar:

• Cefaléias
• Distúrbios do sono
• Neuro-infecções
• Epilepsias
• Doenças vasculares encefálicas (Ex. AVC)
• Neuropatias
• Mielopatias
• Traumatismo crânio-encefálico
• Doenças neurodegenerativas
• Distúrbios dos movimentos
• Síndrome de Guillain-Barré
• Deficiência mental e Malformações congênitas do Sistema Nervoso


Topo Marcar Consulta

» Reumatologia

Reumatologia é a área do conhecimento médico que se ocupa do estudo das doenças que envolvem os tecidos conjuntivos.
Entre algumas doenças abordadas pelo reumatologista podemos citar:

• Lupus Eritematoso Sistémico
• Espondilite Anquilosante
• Esclerose Sistémica
• Fibromialgia
• Osteoartrite
• Doença de Paget do osso
• Artrite Reumatóide
• Osteoporose
• Gota
• Febre Reumática
• Síndrome de Sjögren
• Poliarterite Nodosa


Topo Marcar Consulta

» Pediatria

A pediatria é a especialidade médica dedicada à assistência à criança e ao adolescente, nos seus diversos aspectos, sejam eles preventivos curativos.


Topo Marcar Consulta

» Medicina Interna

Valência médica básica entre as básicas, tem como função reintegrar conhecimentos dispersos pelas diferentes especialidades ou subespecialidades que dela nasceram; a Medicina Interna deve permitir integrar e coordenar patologias, tratando o doente como um todo.

Distingue-se da clínica geral, não só porque trata apenas as doenças do foro médico, excluindo as do foro cirúrgico, a Pediatria, etc., mas também porque, como especialidade hospitalar, é exercida, ao nivel de Cuidados diferenciados, sobre doentes triados anteriormente pela clínica geral.

Como especialidade hospitalar, está vocacionada, para além da coordenação e integração de patologias para o tratamenro de doentes agudos, em particular nas vertentes da observação, diagnostico e terapêutica intensivos.